Name Price24H (%)
Bitcoin (BTC)
$33,493.00
-1.09%
Ethereum (ETH)
$1,956.56
-1.43%
Bitcoin Cash (BCH)
$490.27
4.03%
Litecoin (LTC)
$133.33
3.44%
Destaque, Opinião

Vinho pode reduzir risco de doenças pulmonares, diz estudo

Estudo mostra que o consumo moderado de vinho pode reduzir o risco de doenças pulmonares.

Uma pesquisa realizada na Suécia sobre a ligação entre o consumo de álcool, principalmente vinho e cerveja, e as doenças respiratórias, apresentou resultados impressionantes. Eles sugerem que o consumo com moderação de bebidas alcoólicas diminuem as chances de doenças pulmonares, principalmente entre os homens.

Conduzido pelo Instituto Karolinska e pela Universidade do Oeste da Inglaterra, o estudo, publicado no American Journal of Epidemiology, contou com mais de 44 mil homens entre 45 e 79 anos. Os participantes foram diagnosticados com Doença Pulmonar Obstrutiva Crônica (DPOC) entre 1998 e 2014.

A pesquisa levou em consideração a saúde, idade, peso, índice de massa corporal, classe econômica, escolaridade e outras diversas questões. Dentre os envolvidos, 24,4% fumavam, 38,5% eram ex-fumantes e 35,8% nunca haviam fumado. A média de álcool consumida também foi levada em consideração. Os pesquisadores estipularam como padrão 12 gramas de etanol diário, correspondente a um copo de vinho.

Foi constatado que os bebedores moderados de álcool apresentaram menor incidência de DPOC em relação aos abstêmios e os bebedores excessivos. Os participantes que não ingeriram álcool apresentaram uma incidência de 21% maior da doença em comparação com os moderados (7 a 14 doses por semana). Quem ingeriu acima de 20 bebidas por semana tiveram 34% maior de DPOC que os bebedores moderados.

Os resultados ainda revelaram que os bebedores de vinho cursaram ensino superior e tinham rendas mais altas do que os consumidores de outras bebidas, que, inclusive, apresentaram maiores probabilidades de se tornarem fumantes.

A pesquisa indica que não beber ou beber exageradamente vinho, traz um risco maior para DPOC do que beber moderadamente.

“Podemos supor que a associação protetora para o consumo moderado de álcool, especialmente o consumo de cerveja e vinho, esteja relacionada ao impacto antioxidante dos polifenóis presentes nas bebidas alcoólicas”, relatam os pesquisadores.

Devido a pequena quantidade de informação sobre outros fatores que podem ocasionar a DPOC (poluição, fumaça química, etc), os pesquisadores não conseguiram concluir se o consumo moderado de álcool foi a única causa de diminuição do risco da doença.

Com ou sem pesquisas, resta claro que o equilíbrio é sempre o melhor caminho.

coinmag

Nós somos um portal de notícias especializado em trazer o que há de mais novo e relevante quando o assunto é cripto moedas. Nossos escritores são traders veteranos, empresários do setor e especialistas de TI que convivem com o mercado de crypto moedas em uma base diária. We are a news portal specialized in bringing to you the newest and most relevant about crypto currencies. Our writers are veteran traders, sector entrepreneurs and IT specialists that live with crypto currencies in a daily basis.

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

EnglishPortugueseSpanish