Name Price24H (%)
Bitcoin (BTC)
$43,356.00
0.37%
Ethereum (ETH)
$3,375.87
2.98%
Bitcoin Cash (BCH)
$1,097.27
4.87%
Litecoin (LTC)
$301.49
10.41%
Destaque, Opinião

Qual vinho vale a pena preservar?

Confira algumas informações importantes sobre a preservação de vinhos.

Se você comprar uma pequena adega e colocar apenas vinhos para ingerir em até cinco anos, o custo benefício dificilmente compensará. Uma garrafa de R$ 50,00, terá um custo de R$ 13,81 somente com energia elétrica durante um ano. Em cinco anos, este valor saltará para R$ 69,00, ultrapassando o preço do próprio vinho.

“Mas se eu não tiver adega, guardo onde?”. Quando quiser apreciar um vinho com essa característica, é melhor ir ao supermercado comprar, colocar na geladeira por alguns minutos e saborear. Caso tenha comprado várias garrafas, coloque elas em um lugar escuro e fresco. Não é necessário uma adega climatizada para aproveitar o máximo do sabor de um bom vinho.

Considerando vinhos de média guarda (de 5 a 20 anos) de grandes produtores em suas safras espalhadas pelo mundo, vamos colocar uma faixa de preço de R$ 150,00 a R$ 500,00. Sendo que a grande maioria entra no mercado com dois ou três anos de safra, precisariam de mais sete ou oito anos, gerando um custo de cerca de R$ 110,40.

Não é comum encontrar vinhos com mais de 10 anos em supermercados. Nas lojas especializadas, o preço provavelmente acrescentará os gastos com o custo de armazenamento. Um vinho vendido a R$ 200,00 no seu lançamento, certamente custará mais em 10 anos. Nas grandes adegas, o custo por garrafa será razoavelmente menor do que nas particulares.

Os vinhos icônicos terão um custo maior, pois podem passar de 20 anos de guarda. Porém, o sabor final faz valer a pena esperar. Neste caso, as adegas com maior capacidade (acima de 100 garrafas) seriam as mais adequadas. Inicialmente, o investimento seria maior, porém outros vinhos mais baratos e mais novos preencheriam as lacunas do faturamento.

O custo para armazenar um Vinho do Porto de 50 anos, por exemplo, não seria tão alto. Os gastos com energia ficariam em torno de R$ 166,00. O valor da adega seria dividido pelos milhares de vinhos guardados no período (entre R$ 1,40 e R$ 2,40 anuais por garrafa). No total, chegaremos ao valor de R$ 280,00 por 50 anos de guarda. Para um vinho que poderá custar mais de R$ 1.000,00, representaria um custo anual de apenas 0,5%.

Algumas empresas dos EUA e da Europa alugam espaços para armazenar suas garrafas. Com seguro, taxa de entrega e reposição dos vinhos, o custo fica de US$ 59 a US$ 435 mensais, dependendo do tamanho do espaço e da climatização.

Sendo assim, resta claro que investir guardando vinhos em grandes quantidades vale a pena. Porém, se o seu objetivo é apreciar apenas no seu dia a dia, compre, consuma e se divirta. Não invista seu tempo e dinheiro armazenando suas garrafas de vinho em uma adega.

Experimente Trust Wine, o sabor da confiança.

 

Fonte: Revista Adega

 

 

coinmag

Nós somos um portal de notícias especializado em trazer o que há de mais novo e relevante quando o assunto é cripto moedas. Nossos escritores são traders veteranos, empresários do setor e especialistas de TI que convivem com o mercado de crypto moedas em uma base diária. We are a news portal specialized in bringing to you the newest and most relevant about crypto currencies. Our writers are veteran traders, sector entrepreneurs and IT specialists that live with crypto currencies in a daily basis.

  1. Engala Srinivas

    março 18, 2021

    Respectively… Sir…
    Exalent Suparb Fantastic Mind blowing opprtchnity to given every one Sir…
    Thank you sir….
    This praject planar and CEO…
    Thank full to you sir 🙏💕😊💕

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

EnglishPortugueseSpanish