Name Price24H (%)
Bitcoin (BTC)
$32,424.00
-5.42%
Ethereum (ETH)
$1,947.57
-7.53%
Bitcoin Cash (BCH)
$478.42
-9.30%
Litecoin (LTC)
$132.49
-10.53%
Bitcoin, Criptomoedas, Destaque

CEO da Binance: “É impossível banir as criptomoedas”

Para Changpeng Zhao, limitar a capacidade de adquirir criptomoedas é praticamente o mesmo que limitar o uso da internet.

O CEO da maior corretora de moedas digitais do planeta deu uma entrevista para o “Business Today”, onde afirmou categoricamente que é impossível banir as criptomoedas.

Zhao admite que os governos podem até proibir legalmente o uso dos ativos digitais, mas a criptomoeda continuará funcionando. Segundo ele, as definições não importam.

CZ não concorda com a opinião de alguns empresários que acreditam que os governos podem banir o uso das criptomoedas como ativo ou moeda. Vários países já tentaram, de alguma forma, brecar a ascensão do Bitcoin impossibilitando a posse dos ativos, como ocorre na Nigéria, Índia e Irã.

Quem defende a proibição de ativos digitais usa o argumento de que a criptomoeda pode ser utilizada em atividades ilegais. Para Changpeng, a teoria não faz sentido, pois as moedas comuns também são usadas para atos ilícitos.

“Se as pessoas usam dólares para cometer algum crime, isso não os torna ilegais. Não há nada de ruim em dólares americanos. Bitcoin é uma moeda melhor em muitas frentes diferentes”, afirmou ele.

Segundo o CEO, limitar as criptomoedas teria um efeito igual ou pior do que banir a internet.

“Isso será devastador para a economia. Não permitir criptomoedas gera riscos muito maiores para o desenvolvimento econômico dos países, governo e cidadãos.”

O “medo” das criptomoedas financiarem atividades ilícitas é somente uma máscara que esconde o verdadeiro motivo de pânico. Os países temem que o Bitcoin e outras moedas prejudiquem suas moedas nacionais. No entanto, para o CEO da Binance, restringir ou banir o uso das criptomoedas não vai ajudar a resolver o problema.

“É como proibir todos os carros para proteger o uso da carroça. Em vez disso, você deve fazer a carroça correr mais rápido, mais barato e melhor e, se não puder, deve permitir que seus cidadãos usem uma ferramenta melhor”, declarou Changpeng.

CZ acredita que a melhor forma de combater a desvalorização das moedas comuns é operar com mais eficiência no atendimento e reduzir taxas.

“A melhor forma de mitigar o risco das criptomoedas em qualquer país é fazer com que os bancos e tradicionais setores financeiros operem com muito mais eficiência, taxas mais baixas, melhor atendimento e mais liberdade”, acrescentou CZ.

No final da entrevista, Zhao comentou sobre o recorde histórico do Bitcoin, que chegou a US$ 62 mil no último sábado (13). Ele está otimista quanto ao futuro da maior criptomoeda do mundo e não se surpreenderá se ela alcançar US$ 10 milhões no futuro.

O CEO afirmou que o número de pessoas que usam a moeda digital ainda é baixo e as condições do mercado atualmente mostram que o Bitcoin ainda tem muito espaço para crescer.

”Cem mil, duzentos mil ou 1 milhão de dólares, estes números não me assustam. Mesmo 10 milhões de dólares não me assustam. Mas, se podemos chegar lá ou não, não tenho certeza, ninguém pode prever o futuro.”

 

coinmag

Nós somos um portal de notícias especializado em trazer o que há de mais novo e relevante quando o assunto é cripto moedas. Nossos escritores são traders veteranos, empresários do setor e especialistas de TI que convivem com o mercado de crypto moedas em uma base diária. We are a news portal specialized in bringing to you the newest and most relevant about crypto currencies. Our writers are veteran traders, sector entrepreneurs and IT specialists that live with crypto currencies in a daily basis.

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

EnglishPortugueseSpanish