Name Price24H (%)
Bitcoin (BTC)
$32,098.00
-5.84%
Ethereum (ETH)
$1,941.60
-7.12%
Bitcoin Cash (BCH)
$477.03
-9.03%
Litecoin (LTC)
$131.14
-10.87%
Bitcoin

Bitcoin avança e atinge o maior preço em dólar de toda sua história

Poucos dias após uma forte queda, o bitcoin teve alta de 8,75% no final da manhã desta segunda-feira (30) e atingiu a máxima histórica em diversas corretoras de criptomoedas pelo mundo. Conforme os dados do Coindesk, o preço chegou a US$ 19.786 — US$ 3 acima do valor alcançado em dezembro de 2017.
O preço do ativo digital chegou a ser negociado a US$ 19.792 na Bitstamp, onde em 2017 o maior preço foi de US$ 19.666. Na americana Kraken, o preço chegou a US$ 18.688 — US$ 8 a mais do que no recorde anterior.
A máxima ocorre após 9 semanas seguidas de alta. No ano, o bitcoin acumula valorização de 175%. O movimento em 2020 é impulsionado pelo crescente interesse de Wall Street pelo ativo.
Ao contrário de 2017, quando o bitcoin registrou o último recorde histórico, há uma diferença importante. A chegada dos chamados investidores qualificados ou institucionais. A entrada de grandes players é um fator que está movimentando o mercado, principalmente no segundo semestre, quando o bitcoin dobrou de preço.
Dando início a uma nova tendência, em setembro, a empresa MicroStrategy anunciou a compra de US$ 425 milhões em bitcoin. Essa foi a primeira compra pública de uma empresa listada na bolsa dos EUA.
Seguindo o exemplo, a Square, que tem como cofundador Jack Dorsey, criador do Twitter, também anunciou a compra de US$ 50 milhões em bitcoin.
O Paypal também entrou na jogada. O gigante do mercado de pagamentos digitais anunciou que permitirá que seus clientes comprem, mantenham e vendam bitcoin e várias outras criptomoedas diretamente por meio de suas contas.
Para José Arthur Ribeiro, CEO da corretora Coinext, 2020 está sendo um ano mágico para o bitcoin.
“Em novembro, especialmente, vimos uma valorização de 37%, o que não ocorria desde maio de 2019. O movimento se deve ao aumento da crise de confiança sobre as políticas monetárias, em especial, a impressão descontrolada de dinheiro, feita por Bancos Centrais ao redor do mundo fez com que muitos começassem a ver o bitcoin como reserva de valor”.
Segundo o executivo, ao contrário de 2017, o aumento não é uma bolha, mas sim o reconhecimento do ativo como resiliente e anti-frágil.

coinmag

Nós somos um portal de notícias especializado em trazer o que há de mais novo e relevante quando o assunto é cripto moedas. Nossos escritores são traders veteranos, empresários do setor e especialistas de TI que convivem com o mercado de crypto moedas em uma base diária. We are a news portal specialized in bringing to you the newest and most relevant about crypto currencies. Our writers are veteran traders, sector entrepreneurs and IT specialists that live with crypto currencies in a daily basis.

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

EnglishPortugueseSpanish